Carta da diretoria

Caros(as) amigos(as), parceiros(as) e financiadores(as),

É com grande alegria que apresentamos o relatório anual de 2015 da Conectas Direitos Humanos, que descreve os principais desafios e conquistas da organização durante o ano.

O ano de 2015 foi de grandes avanços para Conectas, embora marcado por um contexto extremamente desafiador no âmbito nacional e internacional. No Brasil, a crise econômica e política deu origem a uma série de retrocessos em direitos humanos. No nível internacional, a crise migratória na Europa e outras crises humanitárias em todo o mundo apresentaram novos desafios à organização. Para enfrentar essas realidades, Conectas adaptou suas estratégias e estabeleceu novas parcerias com indivíduos, organizações e movimentos sociais.

Um importante marco para a organização em 2015 foi a chegada de sua nova diretora executiva, Jessica Morris. Com sua grande experiência e profundo comprometimento com os direitos humanos, Jessica tem trazido um novo olhar para Conectas, levando-a a um novo nível de profissionalização e impacto.

Para além dos desafios, o ano de 2015 foi repleto de conquistas. Destacam-se a realização da 14ª edição do Colóquio Internacional de Direitos Humanos, o lançamento do novo site da Revista Sur e a visita ao Brasil do relator especial da ONU contra a tortura, como resultado de denúncias que Conectas e parceiros enviaram ao especialista..

Este trabalho, no entanto, não teria sido possível sem o apoio da enorme rede de voluntários, parceiros e colaboradores que nos apoiam em cada iniciativa. Aproveitamos esta oportunidade para agradecer aos nossos financiadores: Fundação ChannelFundação FordCentro de Pesquisas para o Desenvolvimento Internacional (IDRC na sigla em inglês); Instituto Betty e Jacob Lafer; Fundação OakFundações Open SocietySigrid Rausing TrustAgência Sueca de Cooperação para o Desenvolvimento Internacional (SIDA) e União Europeia, por acreditarem e investirem em nosso trabalho.

Por fim, como diretoria não poderíamos deixar de reconhecer o trabalho e dedicação da incrível equipe Conectas, graças à qual nosso trabalho de fato traz mudanças e faz avançar os direitos no Sul Global.

Temos consciência de que os desafios no campo dos direitos humanos são muitos, porém nos sentimos preparados para enfrentá-los. Nossos valores e determinação em contribuir para um mundo mais justo, nossa habilidade de conectar diferentes pessoas, de inovar e constantemente nos reinventar, continuarão a orientar nossas ações em prol dos direitos humanos no Brasil e no mundo.

Nossos mais sinceros cumprimentos,

Jessica Morris, Juana Kweitel e Marcos Fuchs